Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
Reprodução/YouTube
Reprodução/YouTube
Religião

Filho da primeira-ministra da Polônia é ordenado padre

Em sua primeira semana como padre, Tymoteusz, filho de Beata Szydlo, celabrará em latim, no rito de São Pio V

Tymoteusz Szydlo, filho da primeira-ministra da Polônia, Beata Szydlo, foi ordenado sacerdote no último sábado (27/05) na Catedral de São Nicolau, pelo bispo de Bielsko-Zywiec, dom Roman Pindel.

O novo padre, de 24 anos, celebrou sua primeira missa no dia seguinte, em Przecieszyn, sua cidade natal. No sábado, dia 4, na Igreja da Santa Cruz, em Cracóvia, um templo dirigido pela Fraternidade Sacerdotal de São Pedro, Szydlo celebrará a missa segundo o rito de São Pio V.

O lema escolhido pelo novo padre para a sua ordenação foi tirado da Carta de São Paulo aos Gálatas, capítulo 5, versículo 1: “Foi para a liberdade que Cristo nos libertou”.

Padre ortodoxo vence programa The Voice na Ucrânia

“Rezem por mim. Não peçam que eu seja excelente, ou que nenhum mal me aconteça, ou que eu triunfe, mas que eu viva a minha vida como um sacerdote deve viver, porque é isto que eu sou agora: um sacerdote”, disse o padre ao fim da celebração.

Ao sair da catedral, a primeira-ministra foi recebida com aplausos e disse à imprensa que foi “uma experiência extraordinária” para os pais de todos os sacerdotes ordenados. Destacou ainda que o seu filho terá um “caminho difícil, mas bonito”.

Em uma entrevista de 2015 para a revista Niedziela, Beata Szydlo já tinha falado sobre a vocação do filho: “Quando o nosso filho Tymoteusz veio nos dizer que ia entrar no seminário, eu soube que não havia discussão possível. Meu marido diz que ele segue os meus passos em muitos aspectos: é coerente e tão persistente quanto eu. Nunca vi que ele tivesse dúvidas sobre isso. Rezamos muito durante os seus anos de formação. Eu simplesmente desejo que ele seja um bom sacerdote e tenho certeza de que ele vai ser”.

 

Com informações de ACI Prensa e Aleteia.

*****

Recomendamos também:

***

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter.

Leia também