Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
Reprodução/Twitter
Reprodução/Twitter
Pais e filhos

O último desejo de um homem de 87 anos: tomar uma cerveja ao lado dos filhos

Norbert Schemm morreu no dia seguinte ao encontro e a foto da família reunida ao redor do seu leito comoveu as redes sociais

Como passar os últimos momentos nesta vida? O modo como Norbert Schemm escolheu viver os seus tocou o coração de muita gente – e nos ajuda a pensar sobre o que realmente importa na vida. O norte-americano de 87 anos morreu na quarta (20) em Appleton, Wisconsin, e o seu último desejo foi tomar uma cerveja junto de seus três filhos. Uma semana depois, a foto que mostra Schemm na cama do hospital, compartilhando esse terno momento com a família, já recebeu mais de 329 mil curtidas no Twitter.

Com 91 anos, brasileiro sobrevivente de Auschwitz celebra seu bar mitzvah

“Foi um momento familiar realmente agradável que sei que significou muito para cada pessoa presente”, contou à CBS News o neto Adam, que compartilhou a foto na rede social. “O olhar no rosto de cada um é de se admirar – todos estão sorrindo, incluindo meu avô”.

Schemm estava no hospital havia uma semana quando o encontro aconteceu, na noite anterior ao dia em que faleceu. A foto, que mostra os filhos Bob, Tom e John e a esposa de Schemm, Joanne, foi tirada por uma das noras do idoso e postada no grupo da família no WhatsApp. O neto resolveu compartilhá-la com o mundo. “Era um momento tão autêntico que, embora eu estivesse hesitante, era real demais para não compartilhar”, contou. No Twitter, outros usuários da rede reagiram compartilhando histórias semelhantes. Robert Dorsch escreveu: “Fiz o mesmo com meu pai em maio. Cerveja gelada e um jogo do Yankees. Meus sentimentos”. “Perdi meu avô há um ano. Exigiu todas as suas forças, mas o levamos para sair e comer a melhor carne que o dinheiro pode comprar. Além do bife, tudo o que ele queria era um drinque Wisconsin Old Fashioned e experimentar um espresso pela primeira vez”, tuitou, por sua vez, Michael Smith. Outra usuária, Brigid Reilly, compartilhou uma foto no leito de morte da avó: “Minha avó fez o mesmo, só que com doses de Bailey’s”. Tudo ao som de Frank Sinatra, o cantor favorito da idosa.

 

 

Para Adam, a foto “parece ter mexido com o senso de comunidade. É claramente um momento com que muitas pessoas se identificam. Os comentários foram muito gentis e vimos fotos de pessoas brindando com copos de cerveja em sua homenagem. Pensei que a foto só fosse ser curtida por pessoas que eu conhecia. Não tinha ideia de que ela ajudaria tantas pessoas desconhecidas”. Schemm foi vítima de um câncer colorretal terminal.

***

Recomendamos também:

***

Acompanhe-nos nas redes sociais: Facebook Twitter | YouTube

Newsletter Estilo de Vida

Aqui os valores fazem parte da notícia

Clique e leia
Leia também