Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
collage-Teddy
Atualidades

Menino que perdeu 50% do crânio ganha outro feito numa impressora 3D

Ele sofreu um grave acidente e teve de usar um capacete durante anos

Um garoto de sete anos que teve metade do crânio esmagado ao cair de um penhasco pôde continuar a viver graças a um crânio sintético feito com uma impressora 3D. Teddy Ward tinha apenas cinco anos quando sofreu o acidente, no cânion de Topanga, perto de Los Angeles.

O impacto esmigalhou todo o lado esquerdo do seu crânio. Uma cirurgia para colocá-lo de volta no lugar não teve sucesso e Teddy foi mandado de volta para casa com um capacete, que deveria ser usado 24 horas por dia.

Teddy, portanto, quase não saia de casa e principalmente não ia brincar na casa dos amigos. Mas agora ele está correndo por aí como qualquer criança, graças a um crânio impresso em 3D que imita quase perfeitamente o original.

A peça foi criada pela equipe médica de um hospital pediátrico, em Los Angeles, depois de alguns anos pesquisando uma solução para Teddy. O produto final foi feito de um material chamado polieteretercetona, conhecido como PEEK, e foi implantado cirurgicamente no começo de 2016.

Como um típico garoto de sete anos, ele não para quieto e foi difícil mantê-lo paciente enquanto uma solução não era encontrada. Agora que Teddy está bem, sua mãe, Lisa Ward, está radiante. “Ele não podia, por exemplo, dormir na casa dos amigos, porque nenhum pai quer a responsabilidade de cuidar de uma criança sem crânio”, disse ela à rede de televisão CBS.

 

Com informações de Daily Mail.

***

Recomendamos também:

***

Curta nossa página no Facebook e siga-no no Twitter.

Leia também