Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
Foto: PUC-Rio/Divulgação
Foto: PUC-Rio/Divulgação
Atualidades

Grupo LGBT entra em conflito com católicos em evento sobre ideologia de gênero na PUC-Rio

Seminário procurou reforçar a identidade católica da instituição; críticos disseram tratar-se de “racismo religioso”

O Move – Programa de Liderança Católica da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) – promoveu no sábado (19/08) um seminário sobre ideologia de gênero, dentro de um esforço por “reforçar a identidade católica da instituição”. O evento contou com conferências de dom Antônio Augusto Dias Duarte, bispo auxiliar do Rio de Janeiro, sobre a “gênese do feminismo” e a “história das ideias do mundo moderno”.

A realização do evento gerou protestos por parte do movimento LGBT Coletivo Madame Satã. “Fascistas, não passarão!”, gritavam os participantes do protesto. Dom Antônio, porém, permitiu que os manifestantes se dirigissem ao público do seminário a fim de expressar as suas inquietações.

8 argumentos pediátricos que provam: não existem crianças transexuais

Uma porta-voz do coletivo disse que o grupo é contrário ao “narcisismo” e ao “etnocentrismo” das ideias veiculadas no evento, agrupando as acusações sob o nome de “racismo religioso”, isto é, segundo o coletivo, a noção de que “o cristianismo é uma verdade única”.

Segundo o padre Alexandre Paciolli, reitor da Igreja do Sagrado Coração de Jesus, capela universitária da PUC-Rio, e responsável pelo Move, o tema foi escolhido a partir de uma reunião com o arcebispo do Rio, o cardeal dom Orani João Tempesta, que junto ao grupo observou a necessidade de abordar o assunto dentro da universidade.

Em um vídeo publicado pelo Move, dom Antônio disse que o seminário foi “uma bela representação do mundo católico na nossa universidade católica”. “Foi um momento bastante significativo para que os universitários que aqui estudam vejam que a identidade católica da universidade é predominante”, afirmou o bispo.

O evento atraiu um público superior ao esperado, sendo necessário o uso improvisado de sete salas de aula, além do auditório, que tiveram transmissão ao vivo por vídeo das conferências de dom Augusto. O Move planeja realizar mais um seminário em outubro com o tema “Medicina e vida”.

Assista a um vídeo do protesto no evento:

 

*****

Recomendamos também:

***

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter.

 

 

Leia também