Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
path3371
eu para blog
Jônatas Dias Lima

Blog da Vida

Opinião e notícia sobre as causas pró-vida e pró-família

Diante da ministra Rosa Weber, ex-feminista Sara Winter suplica que STF não libere o aborto

"Eu abortei e me arrependi" disse a ativista convertida que já lutou pela legalização do aborto no passado

Reprodução/YouTube
Reprodução/YouTube

A ex-feminista Sara Winter esteve no Supremo Tribunal Federal na tarde desta quinta-feira (30/03) e protagonizou uma cena dramática diante da ministra Rosa Weber, a relatora da ação que pode legalizar o aborto no Brasil. Chorando e sendo segurada por funcionários do tribunal, ela gritou: “eu abortei e me arrependi”, e depois, “deixe as crianças viverem”.

A ação ocorre poucos dias antes de encerrar o prazo dado pela ministra para que a Presidência da República, o Congresso Nacional, a Advocacia Geral da União e o Procuradoria Geral da República se pronunciem sobre a ação protocolada pelo PSOL, que pede descriminalização do aborto em todo o país até 12ª semana de gestação.

Sara Winter – ou Sara Fernanda Giromini – ganhou fama nacional em 2012, ao se tornar a primeira integrante brasileira do grupo feminista radical Femen, com sede na Ucrânia. Em 2015, contudo, ela teve seu primeiro filho e, segundo ela mesma, a maternidade a transformou. Ela converteu-se ao catolicismo e hoje é ativista pró-vida.

 

*****

Recomendamos também:

***

Curta nossa página no Facebook e siga-no no Twitter.

 

Por

Comentários

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.

Leia também