Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
Crédito: Bigstock.
Crédito: Bigstock.
Comportamento

7 dicas para fazer uma viagem de avião tranquila com crianças

Cuidados a se tomar para que o tempo no aeroporto e no voo não sejam motivo de estresse

Adiante processos

Use o máximo que puder os serviços on-line, como compra de passagem e check-in. Eles pouparão um tempo precioso e evitarão que as crianças fiquem com você em filas muitas vezes demoradas. Os recursos digitais também dispensam a necessidade de estar com tanta antecedência no aeroporto, vantagem importante para os filhos pequenos que não costumam ter paciência para sentar e esperar.

Documentação

Lembre-se de levar em local acessível toda a documentação dos filhos. Se a viagem for internacional, confira a validade do passaporte com bastante antecedência.

Revise as regras para bagagem de mão

Passeios com crianças sempre exigem o transporte de uma série de objetos que muitas vezes fazem volume, como fraldas e pacotes de lenços umedecidos. Por isso, antes de preparar as malas, confira as regras da companhia aérea para os limites de peso e de volume da bagagem de mão e respeite-as. O tempo que esse cuidado tomará certamente lhe trará menos incômodos do que ter de despachar a mala do bebê com o resto da bagagem, por excesso de peso, ou ter de transferir objetos de uma mala para outra na hora do embarque.

Crédito: Bigstock.
Crédito: Bigstock.

Escolha dos assentos

Se sua família for numerosa, tome o cuidado de escolher assentos próximos. A viagem pode se tornar angustiante para os pais se não puderem ver onde seus filhos estão nem o que estão fazendo. Algumas companhias aéreas dispõem de assentos preferenciais para grávidas e mães com crianças de colo, normalmente mais espaçosos e que podem incluir até um berço desmontável. Pergunte sobre essa possibilidade antes de comprar a passagem.

Aproveite os serviços para famílias

Alguns aeroportos disponibilizam ambientes dedicados a pais com filhos pequenos, como fraldários ou os chamados “espaços família”. Procure saber onde ficam espaços e vá até lá conferir. Eles podem oferecer conforto e privacidade não encontrada em outros ambientes do aeroporto, como poltronas para amamentar, trocadores e até berços.

Passatempos

Se a espera por voos for inevitável, esteja preparado levando na bagagem de mão alguns brinquedos, jogos portáteis ou material para desenho. Mas cuidado! Nada de carrinhos de controle remoto ou bonecas que choram, principalmente dentro do avião. Os demais passageiros precisam ser respeitados e isso inclui cuidados com barulho e uso de espaço. Alguns aeroportos dispõem de áreas de recreação que podem ser bastante úteis nesses casos. Durante o voo, as mesmas observações são válidas. O entretenimento tem de ser silencioso.

Voos longos

Se o voo prevê várias horas de viagem, prefira horários noturnos. Assim as crianças dormem com mais facilidade durante o trajeto.

Participe

O que você achou desta matéria? Escreva para nós e dê sua opinião!

Curta nossa página no Facebook e siga o perfil do Sempre Família no Twitter.

Leia também