Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
crise no casamento
Pixabay
Casamento e Compromisso

5 situações que podem colocar à prova seu casamento

Se bem resolvida, a crise pode ser bastante enriquecedora para o casal

Além dos momentos de alegria e companheirismo, todo casamento passa por situações difíceis que desestabilizam a relação e podem comprometer a vida a dois. Por isso, é fundamental conhecer as principais situações capazes de prejudicar o relacionamento para evitar que elas ocorram e também saber como vencê-las.

De acordo com o pedagogo e conselheiro de família Mar Sánchez Marchori, o primeiro passo é olhar a crise como um fator de crescimento, e não de perigo, porque é nesse momento de incerteza que o casal percebe as condições e fatores que não são benéficos à relação. “Portanto, os dois buscarão soluções para corrigi-las”, explicou ao portal LaFamilia.info.

Além disso, segundo ele, esses momentos de “tempestade” tornam as pessoas mais maduras e isso pode melhorar o relacionamento a dois. “Bem resolvida, a crise pode ser muito enriquecedora”, garante o especialista, que enumera as principais crises que envolvem o casamento e afirma que elas podem ser superadas com união e compromisso do marido e da mulher.

1. Crise pessoal

Envolve apenas um dos cônjuges, mas afeta o relacionamento como um todo. Esse tipo de crise está relacionado aos problemas de desenvolvimento individual e pode ser causado por algum traço de personalidade ou momento crítico de mudança vivido como aposentadoria, menopausa ou a chegada à meia idade, por exemplo. Essa crise também ocorre devido à incompatibilidade no projeto de vida comum do casal já que, com o passar dos anos, os cônjuges podem ter expectativas diferentes em relação ao casamento.

2. Infidelidade

Além de gerar forte desconforto na relação ao mexer com a confiança que existe entre o casal, a infidelidade tem poder para destruir rapidamente o matrimônio e só pode ser vencida com o verdadeiro perdão. Para isso, o cônjuge que traiu o compromisso conjugal deve se esforçar para reconstruir seu relacionamento e fazer todo o possível para compensar os danos causados a fim de que a infidelidade seja superada.

3. Competitividade profissional

Infelizmente, há cônjuges que lutam pelo primeiro lugar no trono profissional do lar. Essa competição para definir quem ganha mais, qual dos dois tem a melhor posição no mercado de trabalho ou o grau acadêmico mais elevado gera uma situação desagradável e pode sair do controle. Além disso, o desafio contínuo não pode existir em uma relação de amor porque o mais relevante para o casal deve ser sempre a construção do “nós” e não do “eu”.

4. Crise econômica

O desemprego ou a falência econômica também são gatilhos que testam a união dos cônjuges. Isso ocorre porque o relacionamento é mais fácil e confortável em condições ideais, mas pode se desestabilizar com força diante das mudanças causadas pelas dificuldades econômicas. A paciência e união do casal serão imprescindíveis para vencer essa situação.

5. Morte de um familiar

A perda de um ente querido traz grande sofrimento emocional ao indivíduo e também pode afetar o relacionamento. A situação ocorre com homens e mulheres, que podem passar por períodos de depressão, falta de desejo sexual, perda de sono e apetite, e até mudanças negativas na apresentação pessoal durante o processo de luto. No entanto, isso pode ser superado com respeito, compreensão e tolerância entre os dois.

 

***

Recomendamos também:

***

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter.

Newsletter Estilo de Vida

Aqui os valores fazem parte da notícia

Clique e leia
Leia também