Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
Foto: reprodução/YouTube
Foto: reprodução/YouTube
Virtudes e Valores

Casal se separa uma semana antes de se casar e deixa a festa para 150 sem-teto

O que fazer com uma festa de 30 mil dólares quando o noivado acaba uma semana antes?

Estava tudo pronto para o casamento de Sarah Cummins e Logan Araujo, que aconteceria em  15 de julho desse ano, em Carmel, no estado de Indiana, EUA. Uma semana antes, porém, por razões não reveladas, eles desistiram do enlace. Sobrou uma festa de 30 mil dólares para 170 pessoas que levou dois anos para ser preparada, com um contrato não-ressarcível. O que você faria nessa situação? Sarah teve uma ideia: convidou os sem-teto acolhidos em quatro abrigos da região para desfrutar da estrutura.

“Foi horrível”, disse a jovem de 25 anos ao jornal Indystar. “Liguei para todo mundo, cancelei, pedi desculpas, chorei, falei com fornecedores, chorei um pouco e mais e então comecei a me sentir mal em simplesmente jogar fora toda a comida do jantar que encomendei”. Sarah pensou então nos que mais precisam, propôs a ideia a Araujo e o ex-noivo concordou.

Noiva com câncer que fez vaquinha virtual para se casar morre semanas depois de realizar sonho

Os 150 moradores do Third Phase Christian Center, do Dayspring Center, da Wheeler Mission e da Hoosier Veterans Assistance Foundation, muitos deles vestidos de modo um tanto formal, saborearam almôndegas caramelizadas no uísque, queijo de cabra, bruschetta de alho, filé de peito de frango com molho de vinho branco e alcachofras e, claro, o bolo.

“Fizemos tudo igual. Só as mesas foram arranjadas de modo diferente, já que não há a mesa dos noivos nem a do bolo”, disse Sarah, que participou da festa e em seguida partiu rumo à República Dominicana para a viagem planejada para a lua-de-mel – com a sua mãe. “Para mim, é uma oportunidade de fazer com que essas pessoas saibam que merecem estar em um lugar como esse assim como qualquer pessoa”, disse a jovem.

Como viver o primeiro ano de casamento: 7 conselhos de vários países do mundo

“Fiquei realmente tocada que Sarah tenha transformado uma experiência dolorosa em uma ocasião de alegria para famílias necessitadas”, disse Cheryl Herzog, diretora de desenvolvimento do Dayspring Center. “Foi verdadeiramente um gesto de bondade da sua parte”.

“É uma forma fantástica de pegar um acontecimento infeliz e transformá-lo em uma bênção para os outros”, disse o gerente da Wheeler Mission, Bryan Schrank. “Foi como um segundo Dia de Ação de Graças para esses caras. Muitos deles nunca tiveram uma refeição como essa na vida”.

 

Com informações de Indy Star.

 

*****

Recomendamos também:

***

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter.

Leia também