Joshua Nelson trabalha desde os 15 anos para economizar e conseguir pagar uma universidade e se manter durante o curso.
Joshua Nelson trabalha desde os 15 anos para economizar e conseguir pagar uma universidade e se manter durante o curso.| Foto: Reprodução/Instagram Southeast Missouri State University

Joshua Nelson, aluno do último ano do ensino médio de uma escola nos Estados Unidos, foi um dos cinco estudantes selecionados, entre quase 300 inscritos, para receber uma prestigiosa bolsa de estudos na Southeast Missouri State University. Avaliada em 43 mil dólares, a bolsa cobrirá os custos com o ensino e hospedagem durante quatro anos, desde que Joshua atenda aos critérios de renovação anual, de acordo com a universidade.

Siga o Sempre Família no Instagram!

Agora, o jovem de 18 anos decidiu criar a bolsa de estudos Joshua Nelson Líderes em Ação, que buscará "ajudar os alunos multiculturais que demonstram liderança, serviço comunitário e que têm grandes qualidades dentro e fora da sala de aula", doando os mil dólares que economizou para a faculdade para outro aluno do ensino médio iniciar seus estudos no ensino superior. Ele trabalha e reserva o dinheiro para a faculdade desde os 15 anos.

“Eu sinto que é importante estar envolvido na comunidade e deixar um legado”, disse ele à uma organização local sem fins lucrativos. “'Eu queria retribuir à minha comunidade criando este fundo de bolsa de estudos e, felizmente, deixando esse legado, encorajo outros alunos também o fazerem".

Líder

Ao longo do ensino médio, Joshua ocupou diversas posições de liderança e buscava ajudar outros alunos a obterem sucesso em seus objetivos. Ele foi o presidente do conselho multicultural da escola, um programa que incentiva os alunos historicamente pouco representados a maximizar seu potencial acadêmico e se prepararem para a faculdade e a carreira.

Além do conselho, Joshua é membro da Sociedade de Honra Nacional, da Sociedade Nacional de Engenheiros Negros e da União de Estudantes Negros, como também foi jogador do time de basquete da escola e ensinava as crianças da comunidade a prática do esporte.

O estudante espera que as empresas locais e outras pessoas se sintam inspiradas a igualar sua doação para que a bolsa possa ajudar vários alunos, sendo administrada pela escola e pelo conselho multicultural, sendo financiada por muitos anos.

"Acho que ele é uma inspiração para as pessoas na escola, especialmente para os alunos negros ", disse Harmony Hudson, colega de classe de Nelson, à afiliada da CNN, a KDSK. "Eu acho que ele mesmo não percebe o quanto está fazendo pelos outros também." Joshua começará ingressará na faculdade no outono norte-americano. Ele será matriculado no programa de ciências biomédicas e quer se especializar em optometria.

semprefamilia

Deixe sua opinião