Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
Reprodução/YouTube
Reprodução/YouTube
Religião

Presidente da Polônia grava vídeo convidando cristãos para a JMJ em Cracóvia

Eleito em 2015, Andrzej Duda é o primeiro chefe de estado a gravar um vídeo oficial para uma edição do evento religioso

O presidente da Polônia, Andrzej Duda, aparece em um vídeo publicado nesta segunda-feira pela organização da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) de 2016, que terá lugar na cidade de Cracóvia, no fim de julho. A JMJ é o maior evento jovem para cristãos no mundo, e sempre conta com a participação do papa. A última edição ocorreu no Rio de Janeiro, em 2013.

“Nós esperamos vocês com os braços e corações abertos! Nos vemos em Cracóvia!”, diz Duda no vídeo, falando em inglês. “Eu também terei a honra de acolher o papa Francisco, pela primeira vez em solo polonês”, diz o presidente, que garante que os peregrinos “estabelecerão novas e duradouras amizades e se apaixonarão pelo meu país”. Ele se referiu a Cracóvia como “uma cidade muito querida pelo nosso amado São João Paulo II”.

Durante sua campanha eleitoral, Duda, de 44 anos, defendeu as tradições e raízes cristãs da Polônia e afirmou que elas são “essenciais para uma recuperação e ressurgimento do país”.

Duda é um católico devoto que é visto com frequência participando de celebrações da Igreja Católica. Dois dias depois da sua eleição, em maio de 2015, ele peregrinou até o santuário de Nossa Senhora de Czestochowa, onde rezou diante da imagem da padroeira da Polônia.

No mês seguinte, ainda antes de assumir oficialmente o cargo máximo de seu país, Duda participou da missa de Corpus Christi em Varsóvia. Durante a celebração, no momento da comunhão, uma rajada de vento fez voar até o chão uma hóstia consagrada. Duda, que rezava de joelhos, entrou em ação, pegando com reverência a hóstia em suas mãos e devolvendo-a ao celebrante, o cardeal Kazimierz Nycz.

No último domingo (05/06), Duda participou da missa de canonização de Santo Estanislau de Jesus e Maria, um padre polonês do século XVII, na Praça de São Pedro, no Vaticano.

Ele é advogado e foi membro do Parlamento Europeu entre 2014 e 2015, quando concorreu à presidência pelo partido Lei e Justiça. Dois dias depois da sua vitória, entretanto, ele se desligou do partido.

 

Leia também