Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
Pixabay
Pixabay
Casamento e Compromisso

Fazer seu parceiro feliz ajudará você a viver mais

Sucesso na carreira individual e a satisfação no relacionamento têm total relação com as características disposicionais do esposo ou esposa, como otimismo e resiliência

Que a felicidade da pessoa que amamos faz com que também sejamos mais felizes e tenhamos um relacionamento mais duradouro, todo mundo já sabe. Mas um estudo recente descobriu que o benefício pode ser bem maior: ter um parceiro feliz pode fazer com que você tenha uma vida mais longa.

Esqueça os clichês: a felicidade no casamento tende a aumentar com o tempo, diz estudo

O estudo foi conduzido pela pesquisadora da Universidade de Tilburg, na Holanda, Olga Stavrova, e publicado na revista americana Psychological Science, produzida pela Association for Psychological Science. Segundo Olga, os dados obtidos mostram que a satisfação com a vida do cônjuge estava associada à mortalidade, independentemente das características socioeconômicas, demográficas dos indivíduos ou do estado de saúde física.

Foram aproximadamente 4,4 mil casais americanos com mais de 50 anos que participaram do estudo. Dentro de oito anos, os participantes relataram que estavam satisfeitos com a vida que tinham. Após esse período, cerca de 16% dos participantes haviam morrido e, anteriormente, relataram uma menor satisfação no relacionamento, e com a vida, além do seu parceiro também ter expressado o mesmo.

Comportamento que gera qualidade de vida

A pesquisadora descobriu que o risco de mortalidade para os participantes que tinham um parceiro feliz crescia mais lentamente do que para os participantes com um parceiro infeliz. A descoberta confirma pesquisas anteriores que mostraram que o sucesso na carreira individual e a satisfação no relacionamento têm total relação com as características disposicionais do esposo ou esposa, como otimismo e resiliência. Isso mostra que o oposto também acontece. “Se o seu parceiro está deprimido e quer passar a noite comendo batatas fritas na frente da televisão, provavelmente é assim que a noite de vocês vai acabar”, diz a pesquisadora.

Mas não se engane. Se você tem um casamento feliz, não significa exatamente que você vai viver até os 100 anos de idade. E para os que têm um casamento monótono e sem muitas alegrias, isso também não significa que você vai morrer em pouco tempo. Calma. O estudo revela, simplesmente, que o comportamento do seu parceiro pode afetar tanto o seu relacionamento quanto a sua qualidade de vida ao longo do tempo.

A dica é não criar muitas expectativas e sempre lembrar, tanto o seu cônjuge quanto você mesmo, que o amor entre vocês pode trazer mais felicidade e prolongar a vida juntos. E que independentemente do tempo de vida, o que importa é amar intensamente.

 

Com informações de Motherly

***

Recomendamos também:

***

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter.

Leia também