Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
Crédito: Bigstock.
Crédito: Bigstock.
Saúde

10 alimentos essenciais para o desenvolvimento do seu filho

Preparamos uma lista com 10 alimentos essenciais para o bom desenvolvimento físico e intelectual das crianças

Os dados sobre obesidade e má alimentação na infância são alarmantes. A Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que em 2025 a população de crianças acima do peso chegue a 75 milhões. No Brasil, uma em cada três crianças está obesa. As consequências vão desde o desenvolvimento de diabetes, passando por distúrbios do sono, doenças cardiovasculares e até câncer.

A nutricionista do Colégio Sion, Elisangela Cembrani, conta que as crianças tem consumido uma grande quantidade de produtos industrializados. “Na maioria das vezes esses alimentos não possuem um aporte nutricional adequado, além disso, muitos possuem gordura trans, excesso de açúcar, sódio, aditivos alimentares e até adoçante”, conta Elisangela, que alerta ainda para o consumo exagerado de lanches. “As crianças não comem mais comida de verdade: vegetais, arroz, feijão, ovos, carnes magras, frutas. As guloseimas são rotina e não exceção”, acrescenta.

Crédito: Bigstock.
Crédito: Bigstock.

Esse comportamento alimentar contribui para o ganho de peso das crianças e a ocorrência de alergias, distúrbios comportamentais, dislipidemias, crescimento inadequado, gastrite, obstipação intestinal entre outros.

Para Elisangela, a escola tem um importante papel na informação e na formação de pessoas que se alimentam de forma saudável. “Também entendo ser fundamental oferecer alimentos saudáveis na cantina e no refeitório e estimular uma rotina alimentar saudável para as crianças que permanecem no período integral. Outra proposta é orientar os pais na montagem da lancheira”, completa a nutricionista, que indicou uma lista com os 10 alimentos essenciais para o bom desenvolvimento físico e intelectual das crianças. Confira:

  1. Água filtrada
  2. Vegetais frescos
  3. Frutas frescas
  4. Cereais integrais como arroz integral, aveia, quinoa
  5. Raízes como batata doce, batata salsa
  6. Leguminosas: feijão, lentilha, grão de bico, ervilha, amendoim
  7. Sementes: gergelim, linhaça, abóbora, girassol
  8. Sardinha
  9. Ovos orgânicos
  10. Oleaginosas: castanhas, amêndoas, nozes

Alerta aos pais

A escola e os pais precisam adquirir consciência sobre o problema, acreditar e entender como os alimentos podem e fazem muito mal à saúde desde a infância. Isso porque a criança pode ser aparentemente saudável, mas oferecer alimentos errados é como ignorar seus potenciais danos ao organismo. Veja quais os 10 piores alimentos para as crianças.

“É preciso dedicar tempo selecionando, comprando e preparando os alimentos da lancheira e do dia a dia. Os pais também devem orientar que os filhos façam o desjejum antes de ir à escola, assim mantém a fome controlada e não necessitam comer lanches extremamente energéticos antes do almoço. É um trabalho difícil no início, mas com as atividades de educação nutricional as crianças entendem e passam a gostar de alimentos menos açucarados e gordurosos.”, finaliza Elisangela.

Leia também