Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
Crédito: MELLO Photo & Make Up
Crédito: arquivo pessoal
Rafaela Campos

Ser Mãe

O blog da maternidade

Como fomentar o empreendedorismo nos filhos

É possível fomentar o empreendedorismo nos filhos mesmo sem ser empreendedor?

criança vendendo limonada

Na última quinta-feira (23) participei da 4ª edição do Lideranças do Amanhã, promovido pelo Colégio do Bosque Mananciais, tendo como palestrante o fundador e presidente da Rede Bourbon Hotéis & Resorts, Aleu Vezozzo.

Ele contou sua trajetória de sucesso e como fomentou nos filhos o espírito empreendedor. Ao final os participantes puderam fazer perguntas e uma que me chamou atenção e motivou este texto foi a que um casal de servidores públicos gostariam de saber como orientar os filhos a não seguirem pelo mesmo caminho mas que, ao contrário, fossem empreendedores. Num primeiro momento a resposta que me veio foi: Comecem a empreendedor agora mesmo. Mas depois, analisando bem, percebi que fomentar esse espírito nos filhos vai muito além de ser exemplo pela escolha, é na verdade uma questão de abertura, de horizontes amplos às possibilidade que existem.

Fui educada a arrumar um emprego registrada e, de preferência, que me aposentasse nele. Era tão dependente do fato de ter um horário, ser empregada e ter cartão ponto para bater que não conseguia se quer compreender as pessoas que hoje trabalham num local e amanhã estão em outros, que não usam sempre a mesma linha de ônibus. Mas sempre achei que seria possível fazer o que gostava, ter liberdade para fazê-lo e receber um retorno financeiro por isso. Só não imaginava como. Para mim, empreender era coisa de quem já tinha muito capital de giro ou vinha de família tão confortavelmente financeira que não teria problema nenhum “quebrar”.

Foi quando parei de trabalhar para cuidar da saúde e descobrir porque não conseguia engravidar que comecei a ver um mundo diferente. Há pouco mais de um ano, quando iniciamos um trabalho no mundo do marketing multi nível que comecei a deslumbrar diversos caminhos possíveis. Hoje temos essa parceria com uma grande multinacional e estou desenvolvendo uma plataforma para oferecer cursos e materiais online juntamente com uma sócia. Ao mesmo tempo, dedicando o tempo que me proponho e tenho a realizar, sigo com minhas prioridades que são minha família e minha casa.

Mas só depois dessa experiência, posso chegar à conclusão que todas as vezes que o Dr Alceu disse na palestra que o mais importante é o exemplo que damos aos nossos filhos, se refere ao exemplo integral: onde a educação e a moral são vividos em casa naturalmente, um ambiente em que as crianças vejam que só realiza quem faz mais e reclama menos, quem coloca os meios e não enxerga só problemas, quem não tem preguiça nas menores obrigações, efim… empreender e apoiar os filhos que sigam este caminho, vai além das palavras, está nas atitudes de encorajá-los a seguirem seus sonhos, ajudá-los a formar o melhor de suas competências, incentivá-los a desvendar e saciar suas dúvidas e usar ao máximo suas habilidades. Não existe pequeno ou grande empreendedor, existe aquele que dá o primeiro passo e persevera para realizar os seus objetivos e é isso que pretendo ensinar aos meus filhos :).

Por

Comentários

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.

Leia também