Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
Beautiful Snow Queen Reading a Book
13010153_1316171381746165_1556056633_o
Ana Clara, Bárbara, Bia, Day, Letícia B, Letícia Q e Teresa

Reginas

Reflexões para mulheres reais

10 Racionalizações que mulheres fazem em relacionamentos falidos

Como saber se você está justificando uma imagem preconcebida e namorando um rapaz que só existe na sua imaginação? Segue uma lista de 10 racionalizações feitas por mulheres em relacionamentos falidos.

photo-1439402702863-6434b61e6392

Você já teve uma amiga que estava tão focada em encontrar pontos positivos em um relacionamento pouco saudável, que se tornou incapaz de perceber os sinais de perigo? Independentemente do quanto você tentou alertá-la, ela sempre racionalizava uma justificativa para permanecer naquele relacionamento. Ou quem sabe, você é essa mulher?

As mulheres têm uma habilidade inata de ver o bem nos outros. Acredito que isso faz parte do gênio feminino. Elas conseguem perceber o sofrimento dos outros com intuição e empatia extraordinárias. Conseguem ver o potencial de uma pessoa mesmo que ela própria não consiga. Porém, onde se encontra sua maior habilidade, muitas vezes também se encontra a sua maior debilidade.

Como saber se você está justificando uma imagem preconcebida e namorando um rapaz que só existe na sua imaginação? Segue uma lista de dez racionalizações feitas por mulheres em relacionamentos falidos:

  1. “Ele é tão carinhoso.”

Ser carinhoso não é difícil. A maioria dos animais de estimação também são. A verdadeira pergunta é: Por que ele é carinhoso? É porque você merece esse carinho ou porque ele espera algo em troca?

  1. “Estamos juntos há tanto tempo.”

A duração de um relacionamento não determina seu valor. Agarrar-se a um relacionamento ruim seria como dizer “Eu sei que estou dirigindo na direção errada, mas já andamos dez quilômetros. Vamos continuar até dar a volta no mundo”. Dê meia volta. Só porque um relacionamento é difícil de terminar, não significa que deva se prolongar. Afinal, quanto mais tempo se permanece num relacionamento ruim, mais tempo se leva para superá-lo.

  1. “Eu já me entreguei a ele.”

Ter dormido com alguém não é razão de continuar em um relacionamento. É apenas uma razão que dificulta deixá-lo. Quando se dorme com alguém, cria-se uma ligação que não é facilmente rompida. Parte disso se deve a um neurotransmissor chamado oxitocina, que é liberado no cérebro durante o sexo. Isso gera uma ligação emocional intensa, prejudica a sua habilidade de pensar criticamente, promove o esquecimento de memórias negativas sobre o rapaz, e aumenta sua confiança nele. Tudo isso é ótimo no casamento, mas é uma receita desastrosa fora do casamento. Isso porque você perde a capacidade de ver o que é um verdadeiro relacionamento. Você se liga fortemente mas cegamente. Assim, você encobre o negativo, até que seja tarde demais para ignorá-lo.

  1. “Existe mais do que sexo no nosso relacionamento.”

Minha esposa uma vez escreveu: “Um sinal de que você está fazendo algo errado é quando gasta muito tempo tentando se convencer de que está fazendo o certo.” Se uma mulher está dormindo com um rapaz com o qual não está casada, pode justificá-lo comparando-se favoravelmente às mulheres que tem relações casuais e sem compromisso. Como ela não está o tempo todo na cama com seu namorado e eles têm outros interesses em comum, ela assume que seu relacionamento é balanceado. A ideia de que eles “não fazem sexo o tempo todo” a desvia do fato de que não deveriam estar fazendo de forma alguma.

  1. “Minha família gosta muito dele.”

Para testar o quanto seus pais gostam do seu namorado, imagine a feição deles se você revelar toda a verdade sobre seu relacionamento. Se a imagem do seu pai correndo para buscar uma espingarda vem a sua mente, é muito provável que seus pais gostem apenas do que acham que ele é.

  1. “Mas nós realmente nos amamos.”

Nas palavras de São João Paulo II, “Amor não é meramente um sentimento. É um ato da vontade que prefere sempre o bem do outro ao bem próprio.” Em outras palavras, se vocês se amam, fazem o melhor para o outro: conduzir um ao outro para o Céu.

  1. “Ele não me pressiona para fazer sexo.”

Ele pode não pressioná-la para fazer sexo, mas provavelmente também não a pressiona para ser pura. Frequentemente, ele aceitará tudo o que você oferecer. Eu me lembro de um garoto do colegial me perguntando “Você já falou para as garotas que nós às vezes dizemos que ‘tudo bem se não fizermos sexo’, apenas para que elas nos dêem o que queremos?” Rapazes sabem que será mais fácil as mulheres dormirem com eles se julgarem que estão escolhendo livremente. Ela se sente lisonjeada de que não está sendo pressionada, e isso diminui suas inibições. Mas mesmo que seja a garota quem instiga o rapaz ou que seja uma decisão mútua, isso não torna essa atividade sexual moralmente correta, nem torna esse relacionamento saudável.

  1. “Nós dois concordamos com isso.”

Se o consentimento mútuo tornasse qualquer ato sexual moralmente correto, até a prostituição seria aceitável. Casais, frequentemente, recusam ver que a atividade sexual envolve mais do que apenas os dois. Filhos podem ser gerados, seus pais podem ficar devastados, e seus futuros esposos podem ser afetados. Mas, acima de tudo, eles estão ignorando Deus, que é o autor do amor. É por isso que Santo Agostinho define a luxúria como “o afeto da mente que almeja o prazer próprio e do outro sem referência a Deus”.

  1. “Ele vai ficar arrasado se a gente terminar.”

Se seu relacionamento não é saudável, você é quem acabará devastada por mantê-lo. Um homem que não consegue se sustentar sem você, não é o homem com quem você quer se casar. Um homem tão dependente não será um bom marido ou pai. Portanto, a dependência dele não é razão para continuar o relacionamento, mas uma evidência de que você deve terminá-lo.

  1. “Ele vai mudar.”

Eu e minha esposa conhecemos uma mulher que namorou um rapaz que tinha alguns problemas pessoais, mas ela sempre tinha esperança de que ele iria mudar. Hoje, depois de uma década de casamento, eles estão separados porque as coisas apenas pioraram com o tempo. Frequentemente, mulheres romantizam o futuro para que não tenham que focar no presente. Se quiser pensar no futuro, pergunte a si mesma: “Eu estou satisfeita com esse tipo de homem educando meus filhos?” Dê o melhor para seus filhos e nunca namore um rapaz esperando que ele vá mudar. É injusto com ele e com você. Ademais, não é sua função ser um “messias” na vida dele.

Eu não sei com quantos destes pontos você se identifica, mas espero que você seja corajosa o suficiente para examinar se estão presentes no seu relacionamento. Se você reconheceu algum desses sinais de alerta na sua vida, não tenha medo de que nunca encontrará um homem melhor. Deus conhece bem os planos que tem para você, mas às vezes precisamos nos desprender do que achamos que queremos, a fim de receber o que realmente merecemos.

Por Jason Evert

Artigo postado originalmente no Chastity Project em 03 de setembro de 2015. [https://chastityproject.com/2015/03/top-10-rationalizations-women-make-dead-end-relationships/]

Tradução: Beatriz R.

Por

Comentários

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.

Leia também