Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
Chloe Dunstan/Facebook
Chloe Dunstan/Facebook
Defesa da Vida

Grávida de trigêmeos toma difícil decisão para não perder o bebê mais frágil

A mãe teve de optar entre deixar o mais fraco morrer ou arriscar e dar à luz aos três prematuramente.

 Chloe e Rohan Dunstan já tinham três menininhos, mas ainda sonhavam com uma garotinha. Chloe engravidou novamente, mas a surpresa era maior que a esperada: ela estava esperando trigêmeos. Um dos bebês, porém, não estava recebendo oxigênio suficiente: justamente a única menina do trio.

Os pais tiveram que decidir entre duas alternativas terríveis: ou deixavam a pequena morrer e protegiam os dois meninos, ou Chloe teria que se submeter a um parto prematuro, colocando os três em risco.

chloeO casal, que vive em Perth, na Austrália, refletiu e decidiu dar aos três bebês a chance de nascer. O parto foi agendado para a 28ª semana de gestação, o que deu tempo a eles para crescerem um pouco mais. Tudo ocorreu bem no nascimento do trio, mas os bebês precisaram ficar internados no hospital por mais onze semanas e passaram até mesmo por transfusões de sangue.

“Eu me senti culpada por dar à luz os meninos, que estavam crescendo tão bem no útero”, contou Chloe ao jornal britânico Daily Mail. “Mas Pearl teria morrido se eu não tivesse feito isso, então nunca vou me arrepender dessa decisão”.

Os trigêmeos Rufus, Henry e Pearl lutaram bravamente e ficaram cada dia mais fortes. Pearl, que nasceu menor que os irmãos, com apenas 690 gramas, saiu do hospital com dois quilos. A garotinha teve hemorragia pulmonar, um pequeno sangramento cerebral e uma infecção complicada, além de outros problemas. Já seus irmãos nasceram com 1,2 e 1,3 quilos e alcançaram 3 e 3,5 quilos ainda no hospital.

Agora, já faz um ano que os trigêmeos estão em casa – eles acabaram de aprender a ficar de pé. Pearl ainda é menor que Henry e Rufus, mas os três são fortes e saudáveis e se divertem muito com seus outros três irmãos. Essa grande família compartilha a sua história inspiradora e o crescimento dos bebês em uma página no Facebook que já tem mais de 39 mil seguidores.

*****

Recomendamos também:

***

Curta nossa página no Facebook e siga-no no Twitter.

Leia também