Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
lafamille_zednelson9
Educação dos filhos

Fotógrafo tira a mesma foto de família há 22 anos e mostra o “milagre do crescimento”

Há duas décadas Zed Nelson se ofereceu para fotografar o crescimento da família de um amigo e decidiu que fará isso ... para sempre

Zed Nelson, um fotógrafo de Londres, teve uma ideia quando a esposa do seu amigo ficou grávida: ele queria fotografar o crescimento da nova família – para sempre.

E foi exatamente o que ele fez – e continua a fazer – com o seu projeto The Family.

Como ele explica em seu site, Nelson tirou uma foto da família a cada ano desde que o filho nasceu. Ele planeja levar o projeto adiante, acompanhando o envelhecimento da família.

“Eu planejei as fotos de uma maneira formal, quase científica”, conta ele. “Todo ano, no mesmo horário, com o mesmo fundo, sob a mesma luz. Dessa forma não há lugar para distrações, somente para o milagre do crescimento e das mudanças do tempo e da idade”, disse o fotógrafo ao site Deseret News.

A mudança mais visível na sequência de fotos é a do filho, que aparece como bebê, como criança, como adolescente e jovem adulto.

Fotógrafos e especialistas em família já falaram bastante a respeito da importância das fotos de família. O fotógrafo David Phillips diz em seu site que elas podem ajudar a manter a lembrança da história da família e a honrar o seu passado.

“Uma fotografia é uma posse atemporal, que ganha cada vez mais significado e valor com o tempo”, diz ele. “Com os dias se transformando em anos e os anos em décadas, uma família muda. Ela cresce com a adição de novos membros, ela muda com a passagem do tempo e às vezes diz adeus a muitos rostos queridos.”

Veja abaixo algumas das fotos que compõe o trabalho de Zed Nelson. Clique aqui para ver todas as fotos do projeto The Family.

Crédito: Zed Nelson/divulgação
Crédito: Zed Nelson/divulgação

 

 

Um vídeo publicado no YouTube fez a copilação do trabalho de Zed Nelson. Confira:

 

 

Colaborou: Felipe Koller

Com informações de Deseret News

Leia também