Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
Bigstock
Bigstock
Defesa da Vida

É possível saber se um bebê é canhoto ou destro antes do parto, diz estudo

A descoberta é promissora e pode ajudar a prever a presença de transtornos como os do espectro autista

Um estudo da Universidade de Pádua e da Escola Internacional de Estudos Avançados de Trieste, ambas na Itália, demonstrou que antes mesmo de nascer os bebês já dão sinais de que serão canhotos ou destros. Através de ecografias, é possível detectar a preferência de um bebê por uma ou outra mão – e isso tem consequências maiores do que você pensa.

Os pesquisadores acompanharam 29 gestações, através de ecografias em 4D, na 14ª, 18ª e 22ª semana de gestação. Analisando ações básicas que o bebê realizava dentro do ventre materno, como pôr o dedo na boca ou apalpar a parede uterina, os pesquisadores registraram a preferência de cada um pela mão esquerda ou direita.

Fotografia incrível mostra médicos operando feto dentro do útero

Na 18ª semana, verificou-se que os bebês já tinham uma mão preferida e mais veloz para realizar essas ações. Os pesquisadores voltaram a se encontrar com as crianças quando elas completaram 9 anos de idade, para verificar a correspondência com os resultados coletados durante a gestação. Todas as crianças mantinham a preferência pela mesma mão que quando estavam no ventre.

A partir disso, os pesquisadores concluíram que é possível obter informações sobre o cérebro do bebê durante a gestação, já que o uso preferencial da mão esquerda ou da direita depende da prevalência de um hemisfério cerebral sobre outro. Com isso, seria possível obter já na gravidez uma previsão da presença de transtornos como os do espectro autista.

Com informações de Hacer Familia.

***

Recomendamos também:

***

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter.

Leia também