Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
Bigstock
Bigstock
Educação dos filhos

Como não enlouquecer com a chegada de gêmeos ao lar

O trabalho é dobrado, mas com ajuda e organização você consegue curtir e muito a chegada dos pequenos à família

Com a chegada de gêmeos, o trabalho aumenta muito e é esgotador, mas uma boa organização e a construção de hábitos e rotinas desde o primeiro dia são a chave para ter sucesso.

Se os seus gêmeos ainda não nasceram, é muito aconselhável dedicar tempo para pensar como será a organização com a chegada deles, para que tudo esteja previsto. Depois não haverá tempo para pensar muito. É muito útil ler, informar-se sobre a gravidez de gêmeos e sobre os seus cuidados, as vantagens da amamentação ou encontrar redes de apoio em alguma instituição para falar com pessoas que passaram pela mesma experiência.

Como a vida muda quando chegam os gêmeos!

O cansaço do começo cede com o passar dos meses, quando nos organizamos e nos empenhamos para não perder o norte. Os pais de gêmeos costumam ouvir de amigos ou conhecidos que não sabem como conseguem ir ao parque, levá-los à creche todas as manhãs ou ir a um restaurante acompanhados dos filhos, mas é imprescindível levar uma vida o mais normal possível, mesmo que isso exija um esforço extra.

Quando as crianças vão crescendo, novos desafios aparecem, o cansaço físico já não é tanto, mas surge a necessidade de atenção para educar crianças que são da mesma idade, mas são diferentes. Por um lado, eles se entretêm muito mais entre si, mas por outro é mais difícil que gêmeos esperem a sua vez, cedam e se sintam únicos.

Mãe de gêmeos ou trigêmeos: cuide-se!

Busque tempo para estar sozinha: mesmo que seja simplesmente para fazer compras sem pressa. É normal se sentir angustiada ou cansada demais ao se ocupar de dois ou mais bebês ao mesmo tempo, e por isso é importante buscar ajuda. Evite tentar ser uma supermamãe e tente aprender a ser mais compreensiva consigo mesma.

Organizar o inorganizável em família

Distribua as tarefas: trabalho em casal. Contar com ajuda é fundamental para a mãe. É necessário que o pai se envolva no cuidado com os bebês.

Hábitos de fim de semana: se é possível, convém estabelecer novos costumes para descansar no fim de semana. Aceite a ajuda de amigos e familiares – e a ajuda do pai se intensifica também.

Horários, hábitos e rotinas: ter uma rotina diária é o melhor para os bebês. Seguir horários certos para o banho, para o jantar, iluminação para dormir, etc. – tudo isso ajuda a criar um clima de tranquilidade na criação dos bebês.

Anotações e planilhas: evitam esquecimentos naturais como quem fez caca e quem não, horários de medicações, etc.

Eduque os tempos de sono: procure fazer com que os gêmeos estejam acordados durante o dia, para que você possa descansar à noite. Marque dois cochilos diurnos.

A rotina de banho-mamar-dormir é essencial, à mesma hora e no mesmo lugar. Não importa se é às 8, às 9 ou às 10 da noite – os bebês não sabem ver as horas, mas sabem que depois do banho, vem a mamadeira ou o peito e depois é hora de dormir.

Planejamento da família antes da chegada dos gêmeos

  1. Ajuda externa: organize e planeje a ajuda de parentes, babás, creches – para o cuidado dos bebês antes e depois de voltar ao trabalho.
  2. Organize um enxoval duplo. Antes que nasçam os bebês convém prever tudo o que é preciso: roupas, carrinho para gêmeos, dois berços. Quando eles nascerem, não vai haver tempo para isso.
  3. Resolva os aspectos econômicos. Com dois ou mais bebês em casa, os gastos aumentam.

 

Com informações de Hacer Familia.

Colaborou: Felipe Koller.

Leia também