Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
Crédito: Bigstock.
Crédito: Bigstock.
Educação dos filhos, Pets

5 razões para dar um animal de estimação para seu filho

Conviver com cães e gatos pode ser ótimo para desenvolver habilidades e podem melhorar até a saúde das crianças

Muito mais do que brincar e fazer companhia, animais de estimação podem ser grandes aliados no desenvolvimento emocional de seus filhos. Um estudo realizado pela Universidade de Oklahoma e publicado no site do Centers for Disease Control and Prevention (CDC), nos Estados Unidos, acompanhou 643 crianças de 4 a 10 anos por 18 meses e concluiu que as crianças que convivem com cães de estimação têm menos probabilidade de sofrer de ansiedade na infância. Os ganhos acontecem também na autoestima. “Quando a criança percebe que é capaz de cuidar de outro ser, de se responsabilizar por certos cuidados, se sente mais confiante e com a autoestima mais elevada para assumir outras tarefas e outros papéis em sua vida. Além disso, essa autoestima também é estimulada quando a criança percebe que o bichinho também gosta da companhia dela”, conta a psicóloga Ane Caroline Janiro, que ajudou a formular uma lista com os cinco principais motivos para você pensar seriamente em presentear seus filhos com um pet. Confira:

 

1 – Estimulam o senso de responsabilidade

Se seus filhos estão pedindo pelo animalzinho, uma boa dica é fazer com elas um acordo em relação aos cuidados dele, como trocar a água, dar comida, ajudar a limpar as necessidades, ajudar na hora do banho, levar para passear, etc. Tudo isso leva a criança a exercitar a sua autonomia e perceber que o outro (no caso, o animal) depende dos cuidados dela.

 

2 – Desenvolvem habilidades sociais

A convivência com animais de estimação também melhora a qualidade da relação das crianças com as outras pessoas.

 

3 – Estimulam a paciência e a tolerância

Para ensinar qualquer coisa, como o lugar de fazer xixi, é preciso muito treino e paciência. Envolva seu filho neste processo e ele certamente compreenderá o quanto é importante saber tolerar o tempo do outro. Além disso, nem sempre o animal corresponderá à animação da criança para brincar ou fazer exatamente a atividade que ela deseja e isso ajudará a entender que é preciso respeitar o limite dos outros.

 

4 – Diminuem alergias e doenças respiratórias

Uma pesquisa publicada na revista Jama Pediatrics conta que crescer ao lado de um cachorro pode diminuir em 15% o risco de apresentar asma. Outro estudo, dessa vez da Universidade de Wisconsin, nos Estados Unidos, concluiu que a exposição dos bebês desde cedo ao contato com os pets pode influenciar positivamente o desenvolvimento do sistema imunológico e reduzir a probabilidade de a criança apresentar certas alergias.

 

5 – Estimulam o condicionamento físico

Em tempos de muita TV e videogame, animais podem ser excelentes aliados para exercícios físicos. Isso porque os cães precisam de passeios diários e ainda são ótimos parceiros de brincadeiras que envolvem corrida e pulos.

Leia também