Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
varias fotos de viagens de familia
foto 5
Flávia Sphair

Turismo em Família

Dicas para passeios com as pessoas que você ama

Viaje com seus pais

Quer estar mais próximo daqueles que mais te amam? Viaje com eles. Estar apenas você com seus pais em uma viagem é uma experiência muito especial.

Mãe, pai e filha em frente a uma fonte
Crédito: Arquivo Pessoal

Mais um dia dos pais está chegando, e desta vez quero aproveitar a oportunidade e sugerir algo que fez toda diferença para mim: viaje com seus pais.

Nascemos, e somos confiados à pessoas especiais que cuidam de nós. Independente de biológicos, por adoção ou mesmo de coração; de alguma maneira, podemos chamá-los de pais. Com eles aprendemos, crescemos e vivemos muitas experiências, e umas das melhores lembranças e que estão mais vivas na minha memória são os passeios e viagens. Eu tive essa oportunidade: aproveitar as férias na praia em muitas temporadas; conhecer um parque de diversões, ou um destino lindo em um feriado quando criança. Já entre o fim da infância e a adolescência as contas melhoraram em casa e pudemos fazer as primeiras viagens internacionais. Uau, o mundo era maravilhoso, e meus pais foram os primeiros a me mostrar isso.

Não deixe de conferir também: Passeio com seu Pai – Um presente especial

Eu cresci, comecei a trabalhar, me formei, casei, tive meus filhos. E aos poucos, como é natural, o tempo com que passava com meus pais foi diminuindo. Passamos a ter novas responsabilidades, e desafios a superar. Nenhuma surpresa até aqui, não é? E por mais que o contato seja constante, nunca mais será como era antes. Não é um problema, são as fases da vida.

Mas sabe, às vezes a correria, os problemas, ou seja quais forem os motivos são tantos que o contato com nossos pais fica até mesmo um pouco automático. Vivemos bem com eles, mas podemos sentir falta de estar mais próximos, ter mais momentos juntos, de desligar do mundo para ficar mais tempo ao seu lado, não é?

Eu tenho uma ideia então: viaje com seus pais. Encontrem uma brecha na rotina de vocês, escolham um destino que todos queiram ir, e simplesmente vão.

Mãe, pai e filha em frete ao Palácio de Versailles
Crédito: Arquivo Pessoal

Por que escrevo isso? Vou contar a minha experiência: há 5 anos atrás já tinha visto meus irmãos viajarem com meus pais, um de cada vez. Foram oportunidades que surgiram, mas eu nunca me encaixava nas datas: estava trabalhando na época em uma multinacional e as férias nunca conciliavam (mas também isso nunca passava pela minha cabeça: sentar e perguntar quando poderíamos planejar isso juntos). Então veio o primeiro filho, e os dois primeiros anos da vida dele foram de muitas mudanças: uma nova rotina com novas prioridades, pedi demissão, abri uma empresa… mas estava cansada. Parecia que precisava renovar as energias de alguma forma. Já tinha viajado com o maridão e nosso pequeno para Argentina e Uruguai, que foi maravilhoso, mas naquele momento, eu precisava de uma atenção para mim. Talvez você tenha motivos e necessidades diferentes, esta era a minha, mas a solução pode ser a mesma.

Então surgiu a minha oportunidade. Minha mãe falou que, agora que eu tinha mais flexibilidade, por que não nós não fazíamos uma viagem juntos? Fiquei preocupada inicialmente sobre como ficaria nosso filho que nem ia para a escola ainda, as preocupações da empresa e da casa, mas… fomos nos organizando, planejando, e por fim embarquei para a Europa pela primeira vez com uma das melhores companhias da vida: meus pais.

A viagem foi fantástica. Uma chuva de cultura, lugares novos, ideias… aquilo que adoramos quando viajamos.

Gosta de viagem em família? Siga também o Instagram e a Fanpage do blog

Porém, viajar com eles depois de adulta teve algo diferente e especial. Passamos aquele tempo juntos que passávamos na infância. Estávamos no mesmo quarto na hora de arrumar as malas e falar sobre as coisas legais, esquisitas e tudo o que aconteceu no dia. Pedimos ajuda e nos ajudamos. Demos muitas risadas, relembramos histórias. Tínhamos todas as refeições juntos, e em cada uma delas momentos. Tínhamos TEMPO. Um tempo que não temos quando precisamos nos despedir da casa deles e retornar para a nossa no final de um dia. De tomar o café da manhã com eles. E isso vale a pena, demais.

Aqueles que consideramos como pais nos amam, e por isso tudo fica muito melhor. Ter esse tempo com eles em uma viagem renovou minhas energias. Meu deu ânimo para prosseguir, de me sentir cuidada e amada como filha. E eles também sentem nossa falta, da convivência diária que tínhamos, e de como é gostoso ter esse tempo extra com seus filhos.

Por fim, nunca sabemos o que o futuro nos aguarda. As coisas acontecem e mudam muito rápido, e as oportunidades podem passar. Por isso eu repito: viaje com seus pais, vocês não vão se arrepender. E o dia dos pais pode ser sempre.

Gostou? Acompanhe em primeira mão fotos, dicas e opções bacanas de passeios pra família agora também no Instagram @turismoemfamilia.semprefamilia e na Fanpage exclusiva do blog (e não esqueça de deixar suas sugestões, perguntas e comentários):

www.facebook.com/turismoemfamilia.semprefamilia

Bom passeio!

Por

Comentários

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.

Leia também