Sempre Família - Porque cuidar é fundamental

Conecte-se ao Sempre Família

Siga-nos:
PUBLICIDADE
Bigstock
Bigstock
Defesa da Vida

Eduardo Verástegui, ator católico e ativista pró-vida, deve concorrer à presidência do México

O Partido Encuentro Social, pró-vida e pró-família, está negociando a candidatura do artista

O ator e produtor Eduardo Verástegui, conhecido por sua fé católica e por seu ativismo pró-vida, pode concorrer à presidência do México em 2018. O Partido Encuentro Social (PES) anunciou na terça-feira (21/11) que está negociando a candidatura de Verástegui. As eleições serão em 1º de julho de 2018, com a posse do vencedor em 1º de dezembro.

Verástegui, de 43 anos, se tornou conhecido como modelo, atuando para marcas como Versace e Calvin Klein. Aos 28 anos, enquanto trabalhava no filme Chasing Papi, teve uma experiência de conversão que o levou a assumir de forma mais compromissada a sua fé. Ele é ligado ao Movimento Regnum Christi, braço leigo da congregação dos Legionários de Cristo.

8 celebridades que vão à igreja com frequência

A produtora que fundou depois da conversão, a Metanoia Films, é a responsável por filmes como Bella (2006) e Little Boy (2015). Bella, que aborda o tema do aborto e da adoção, chegou a ganhar o prêmio da audiência no Festival Internacional de Cinema de Toronto. Verástegui atuou em ambas as produções, e também em Cristiada (2012), que conta a história dos combatentes cristeros na perseguição aos católicos nos anos 1920, no México.

O ator também fundou a ONG Manto de Guadalupe, que mantém o Guadalupe Medical Center, em Los Angeles, dedicado a atender mulheres grávidas em situações de vulnerabilidade. A ONG também promove viagens de voluntariado para auxiliar na construção de habitações e na entrega de alimentação, roupa, medicamentos e material educativo. A ONG já esteve em países como o Peru e o Haiti.

Eleições

O mandato do presidente eleito em 2018 durará dois meses a menos do que o normal, já que uma reforma eleitoral em 2014 alterou a data da posse do presidente para o dia 1º de outubro, a partir das eleições de 2024. Assim, em vez do tempo normal de seis anos, o mandato iniciado em 2018 durará cinco anos e dez meses. Não há reeleição.

Para o presidente do PES no estado de Tamaulipas, Rigoberto Rodríguez Rangel, Verástegui se encaixa nas exigências do partido, que considera que “a prioridade é a família e os valores humanos”. Registrado em 2014, o PES é contra o casamento de pessoas do mesmo sexo, o aborto e a comercialização de conteúdo pornográfico. O partido tem atualmente oito parlamentares entre os 500 que compõem a Câmara de Deputados do país.

O governo do atual presidente, Enrique Peña Nieto, do Partido Revolucionário Institucional (PRI), enviou ao congresso propostas relacionadas à legalização do aborto, ao casamento homossexual e à adoção por parte de casais homossexuais. As propostas, porém, não foram adiante, graças à pressão da população, que fez o PRI sofrer um revés nas eleições estaduais em 2016 e lotou as ruas da Cidade do México no mesmo ano em defesa do casamento entre homem e mulher.

*****

Recomendamos também:

***

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter.

Leia também